Para sonhadores... Deixem-se levar... O blog mudou de cores, mas os sonhos são os mesmos...

02
Dez 08

 

"I did my best to notice
when the call came down the line
up to the platform of surrender
I was brought but I was kind
and sometimes I get nervous
when I see an open door


close your eyes, clear your heart

cut the cord
are we human or are we dancer
my sign is vital, my hands are cold
and I'm on my knees
looking for the answer
are we human or are we dancer

Pay my respects to grace and virtue
send my condolences to good
give my regards to soul and romance

they always did the best they could
and so long to devotion,
you taught me everything I know

wave good bye, wish me well

you gotta let me go
are we human or are we dancer
my sign is vital, my hands are cold
and I'm on my knees
looking for the answer
are we human or are we dancer

will your system be all right
when you dream of home tonight
there is no message we're receiving
let me know is your heart still beating

are we human or are we dancer
my sign is vital, my hands are cold
and I'm on my knees
looking for the answer

you've gotta let me know
are we human or are we dancer
my sign is vital, my hands are cold
and I'm on my knees
looking for the answer
are we human
or are we dancer

are we human or are we dancer

are we human or are we dancer "

 

The Killers

publicado por Vânia Caldeira às 17:34
tags:

03
Nov 08

 

"Por mais que a vida nos agarre assim
Nos troque planos sem sequer pedir
Sem perguntar a que é que tem direito
Sem lhe importar o que nos faz sentir

Eu sei que ainda somos imortais
Se nos olhamos tão fundo de frente
Se o meu caminho for por onde vais
A encher de luz os meus lugares ausentes

É que eu quero-te tanto
Não saberia não te ter
É que eu quero-te tanto
É sempre mais do que eu te sei dizer
Mil vezes mais do que eu te sei dizer

Por mais que a vida nos agarre assim
Nos dê em troca do que nos roubou
Às vezes fogo e mar, loucura e chão
Às vezes só a cinza do que sobrou

Eu sei que ainda somos muito mais
Se nos olhamos tão fundo de frente
Se a minha vida for por onde vais
A encher de luz os meus lugares ausentes

É que eu quero-te tanto
Não saberia não te ter
É que eu quero-te tanto
É sempre mais do que eu sei te dizer
Mil vezes mais do que eu te sei dizer
"

 

Mafalda Veiga

publicado por Vânia Caldeira às 10:10
tags:

18
Jul 08

 

"If you're not the one then why does my soul feel glad today?
If you're not the one then why does my hand fit yours this way?
If you are not mine then why does your heart return my call?
If you are not mine would I have the strength to stand at all?

I never know what the future brings
But I know you are here with me now
We'll make it through
And I hope you are the one I share my life with

I don't wanna run away but I can't take it, I don't understand
If I'm not made for you then why does my heart tell me that I am?
Is there any way that I can stay in your arms?

If I don't need you then why am I crying on my bed?
If I don't need you then why does your name resound in my head?
If you're not for me then why does this distance main my life?
If you're not for me then why do I dream of you as my wife?

I don't know why you're so far away
But I know that this much is true
We'll make it through
And I hope you are the one I share my life with
And I wish that you could be the one I die with
And I'm praying you're the one I build my home with
I hope I love you all my life

I don't wanna run away but I can't take it, I don't understand
If I'm not made for you then why does my heart tell me that I am
Is there any way that I can stay in your arms?

'Cause I miss you, body and soul so strong that it takes my breath away
And I breathe you into my heart and pray for the strength to stand today
'Cause I love you, whether it's wrong or right
And know I can't be with you tonight
You know my heart is by your side

I don’t wanna run away but I can’t take it, I don’t understand
If I’m not made for you then why does my heart tell me that I am
Is there any way that I can stay in your arms?"


Daniel Bedingfield

publicado por Vânia Caldeira às 12:57
tags:

15
Jul 08

 

"Vida em câmara lenta,
Oito ou oitenta,
Sinto que vou emergir,

Já sei de cor todas as canções de amor,
Para a conquista partir.


Diz que tenho sal,
Não me deixes mal,
Não me deixes…

 

No livro que eu não li,
No filme que eu não vi,
Na foto aonde eu não entrei,
Noticia do jornal
O quadro minimal… Sou eu…


Vida à média rés,
Levanta os pés
Não vás em futebóis, apesar…
Do intervalo, que é quando eu falo,
Para não me incomodar.


Diz que tenho sal,
Não me deixes mal,
Não me deixes…

 

No livro que eu não li,
No filme que eu não vi,
Na foto aonde eu não entrei,
Noticia do jornal
O quadro minimal… Sou eu…


Não me deixes já
Historia que não terminou
Não me deixes…


No livro que eu não li,
No filme que eu não vi,
Na foto aonde eu não entrei,
Noticia do jornal
O quadro minimal… Sou eu…"

 

Per7ume

publicado por Vânia Caldeira às 08:59
tags:

09
Jul 08

 

"Uma estrada colorida, uma história tão vivida, um livro aberto...
Foste tu!
A saudade a toda à hora, não me mata mas devora os meus sentidos...
Foste tu!

Não te vou esquecer, nem fugir de ti...
Amar, às vezes, faz doer...
Amor faz-me pensar em ti!

Eras pedra preciosa, sensatez, alguém que um dia despertou em mim...
Foste tu!
Tinhas o dom de seduzir-me,o dom de amar e persistir na minha ausência...
Foste tu!

Não te vou esquecer, nem fugir de ti...
Amar, às vezes, faz doer...
Amor faz-me pensar em ti!

Entre a paixão e o adeus foi tão difícil pra mim,
se te magoei não foi por mal...
Ainda espero por ti,
talvez um dia um sinal...

É tão bom olhar para trás, recordar e passar em tantos sítios...
que eram nossos!
Ainda tenho o teu anel, da cor da tua pele e desse beijo...
que era meu!

Não te vou esquecer, nem fugir de ti...
Amar, às vezes, faz doer...
Amor faz-me pensar em ti!"

João Portugal

publicado por Vânia Caldeira às 10:23
tags:

23
Mar 07

"My shattered dreams and broken heart
Are mending on the shelf
I saw you holding hands
Standing close to someone else
Now I sit all alone
Wishing all my feeling was gone
I gave my best to you
Nothing for me to do

But I've one last cry
One last cry
Before I leave it all behind
I've gotta put you out of my mind this time
Stop living a lie I guess
I'm down to my last cry

I was here, you were there
Guess we never could agree
While the sun shines on you
I need some love to rain on me
Still I sit all alone
Wishing all my feeling was gone
Gotta get over you
Nothing for me to do

But I´ve one last cry
One last cry
Before I leave it all behind
I've gotta put you out of my mind this time
Stop living a lie

I know I’ve gotta be strong
‘Cause ‘round me life goes on and on and on and on

But I've one last cry
One last cry
Before I leave it all behind
I've gotta put you out of my mind for the very last time
Been living a lie
I guess I'm down
I guess I'm down
I guess I'm down
To my last cry"

publicado por Vânia Caldeira às 23:05
sinto-me:
tags:

Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO